Jornal da Região

São Bernardo vai economizar R$ 4,6 milhões com redução do consumo de água

Mar 10, 2017

Em linha com a política de contenção de gastos implantada pela nova gestão desde o início do ano, a Prefeitura de São Bernardo apresentou o plano de ampliação do Programa de Uso Racional da Água (Pura) nos prédios da Administração.

A ação terá início ainda no mês de março e será implementada em parceria com a Companhia de Saneamento Básico de São Paulo (Sabesp), que ficará responsável pela prestação de consultoria técnica.
A medida abrangerá 100% dos próprios públicos, incluindo imóveis da administração direta e autarquias – totalizando 469 prédios. A previsão é que a iniciativa resulte em uma economia de R$ 4,6 milhões aos cofres públicos, por meio da redução do consumo de 44 milhões de litros de água por ano. Até 2016, apenas 100 prédios públicos estavam contemplados no programa, gerando economia de R$ 2,43 milhões anuais.
O programa prevê redução de, pelo menos, 10% do consumo de água, o que gerará em contrapartida uma economia de 25% na conta de água paga pelo município à Sabesp. A parceria somente foi possível porque a Prefeitura retomou diálogo e a adimplência junto à concessionária estadual.
“Esse é plano de metas envolverá todas as secretarias, autarquias, além da população, que utiliza os prédios públicos. A iniciativa não deve ser impositiva e sim provocar adesão por meio do convencimento de que a água é um bem precioso e que o desperdício deve ser cortado”, ressaltou o prefeito Orlando Morando, durante ato de assinatura do convênio. O evento também contou com a presença do vice-prefeito e secretário de Serviços Urbanos, Marcelo Lima, do secretário de Planejamento Urbano e Ação Regional e responsável pela pasta de Obras, Luciano Eber, além de outras autoridades do município.
A principal premissa para a execução do programa é a manutenção dos pagamentos em dia e o compromisso com a implementação de ações como detecção e correção de vazamentos e de conscientização de colaboradores e população. A expectativa é que o Pura também traga benefícios diretos ao meio ambiente, já que a economia da água resultará, consequentemente, na preservação do manancial.
“É motivo de orgulho assinar esse convênio, justo no mês em que é comemorado o Dia da Água (22 de março). A cidade de São Bernardo foi pioneira na implantação dessa ação e, agora, o prefeito Orlando Morando reabriu diálogo para ampliação do programa que vai proporcionar eficiência no gasto público”, disse o superintendente da Sabesp na Unidade Sul, Roberval Tavares de Souza.

 

0
0
0
s2smodern