Jornal da Região

Pio Mielo quer Delegacia da Mulher 24 horas

Ago 31, 2018
O vereador e presidente da Câmara Municipal de São Caetano do Sul, professor Pio Mielo (MDB), solicitou através de indicação, a implantação de uma Delegacia da Mulher 24 horas em São Caetano do Sul.
De acordo com dados informados pelo Tribunal de Justiça, o Grande ABC registrou, em 2017, média de um feminicídio a cada cinco dias. Os dados são referentes aos 73 inquéritos instaurados naquele ano. Na comparação com 2016, quando foram abertas 24 investigações, o aumento é de 204%. Em 2018, até junho, já foram registrados 19 casos. Isso sem contar os casos que não foram denunciados.
Segundo Pio, São Caetano possui uma população de 53,87% de mulheres, ou seja, existem mais mulheres do que homens. No entanto, não há uma única delegacia especializada no atendimento à mulher. Além disso, as delegacias da mulher existentes, em outras cidades, esbarram em um horário de atendimento reduzido, das 9h às 18h, e no funcionamento apenas em dias úteis. O atendimento é encerrado nos períodos e datas quando há maior incidência de crimes, à noite e aos fins de semana, que é quando a maioria das ocorrências acontece.
“O nosso empenho em defesa da mulher em casos de violência doméstica e familiar é constante. Desde 2013, reivindico a implantação de uma unidade da Delegacia da Mulher, em nosso município. E, agora, mais do que nunca, ratifico o meu pedido e que tal equipamento funcione 24 horas, com o intuito de estimular e encorajar aquelas que sofrem com este tipo brutal de violência a denunciarem. Encerro o mês de agosto - mês de conscientização pelo fim da violência contra as mulheres, com uma série de projetos voltados à proteção e ao apoio à Mulher, que garantem o seu direito e uma vida sem violência”, justificou.
0
0
0
s2smodern